segunda-feira, 24 de abril de 2017

Mais uma ação conjunta das polícias em Parnaíba com resultados positivos

Durante a noite de sábado e por toda a madrugada de 
domingo, a Polícia Militar, a Polícia Civil, a Perícia Criminal 
e o Corpo de Bombeiros Militar realizaram uma ação em 
conjunto na cidade de Parnaíba com o objetivo principal de 
fazer valer o direito do cidadão e cidadã a ter paz e tranquilidade 
em seus lares, sentimentos que estavam sendo admoestados 
pela utilização inadequada de equipamentos de sons que 
produziam barulhos muito além do que as diversas legislações 
que mencionam a utilização de equipamentos desta natureza 
classificam como aceitável, seja ela a legislação de trânsito ou 
outras legislações e em locais desprovidos das condições 
necessárias para a realização de eventos.


A motivação principal da ação policial, é claro, sempre é o 
desrespeito a lei, pois em flagrante de desobediência legal, 
qualquer do povo pode, mas a autoridade deve, agir para 
cumprimento da norma legal, protegendo assim o bem 
tutelado, quando se soma a isto o clamor público manifestado 
de diversas formas, mais ainda se assevera o dever do 
Estado, através de seus órgãos policiais permanentes de 
fazer valer a lei. Assim foi feito.




Relatório suscitou da Operação:
Início da Operação: 00h00min.
Término: 05h30min.

Instituições Participantes: Polícia Militar, Polícia Civil, 
Corpo de bombeiros Militar, Perícia Criminal.
Efetivo:
Efetivo PM empregado: 02 oficiais, 15 praças.

Efetivo BM empregado: 01 oficial e 02 praças.
Efetivo PC empregado: 01 delegado e 06 agentes
.
Efetivo Perícia Criminal: 02 peritos e 01 motorista.


Ações desenvolvidas:
Fiscalizações em diversos locais onde estavam 
funcionando equipamentos de som e ocorrendo 
eventos.

Procedimentos realizados:
05 notificações a serem encaminhadas ao 
Conselho Tutelar;
02 conduções à Central de flagrantes sendo: 
01 alcoolemia e 01 suspeita de consumo e 
porte de droga, neste último caso o veículo 
mitsubishi TR4 Pajero removido por suspeita 
de adulteração no chassi.

Locais fiscalizados:
Padock: 02 paredões e 01 banda (bairro João XXIII);
Paredão nos tabuleiros: 03 paredões (o bar não tinha nome);
Paredão do Márcio ( próximo ao padock);
Bar Mangueirão: 01 skema de som (próximo a Delta).
Bares da Avenida 03 de Maio ( próximo a guarita).

Adriano Ursulino de Lucena
(Fonte.Facebook)

Nenhum comentário:

Postar um comentário