quinta-feira, 9 de março de 2017

Prefeito Mão Santa forma Comissão para estudar novos valores para a cobrança do IPTU


O prefeito de Parnaíba, Mão Santa, instituiu uma Comissão para elaborar novo estudo da Planta Genérica de Valores do Município, a fim de redefinir a cobrança do IPTU – Imposto Predial e Territorial Urbano, que no governo do ex-prefeito Florentino Neto foi elevado a valores abusivos, chegando a até 1.000% em alguns casos. A redução desses valores foi uma das propostas de campanha do prefeito Mão Santa, que ele pretende cumprir o mais rápido possível. 

A equipe é formada pelas seguintes pessoas: Gil Borges dos Santos, secretário de fazenda; Ricardo Mazulo, procurador geral do município; Farias, contador da PMP; Anísio Neves, Secretário de Gestão e Planejamento; e Carlos Eduardo, secretário de Governo. 


De acordo com o Secretário Gil Borges, os estudos já estão quase concluídos, “mas estamos levando em conta, principalmente, a situação econômico-financeira da maioria da população parnaibana. Não se pode sacrificar o contribuinte, tampouco o município, que necessita arrecadar, mas sem comprometer a vida de ninguém”, disse o secretário. Ele declarou ainda que quando o prefeito passado aumentou de forma exorbitante a alíquota do imposto “a inadimplência foi para as alturas, beirando 80%, porque ninguém podia mais cumprir com sua obrigação”, pontuou. 

Segundo o secretário, a determinação de Mão santa é que todos os valores sejam reavaliados com urgência a fim de que os novos percentuais sejam apresentados para a apreciação da Câmara Municipal.

ASCOM

Nenhum comentário:

Postar um comentário